terça-feira, 23 de maio de 2017

Práticas restaurativas fazem parte da CIPAVE na 3ª CRE



Atendendo a Lei nº 14.030, de 26 de junho de 2012, que dispõe sobre as Comissões Internas de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar – CIPAVE – no âmbito da rede de ensino público estadual do Rio Grande do Sul, a 3ª Coordenadoria Regional de Educação realizou, no dia 11 de maio de 2017, mais um encontro CIPAVE.

O evento ocorreu junto à Escola Estadual de Ensino Médio Estrela e teve como principal objetivo propiciar aos participantes uma reflexão sobre a prática da não violência no ambiente escolar e, com isso, promover a execução de planejamentos para ações que visem à resolução dos problemas de forma eficaz e viável, destacando a importância das CIPAVES nos educandários.

 Na oportunidade, esteve presente a Coordenadora Regional de Educação da 4ª CRE, Janice Moraes e da Facilitadora de Círculos de Construção de Paz, a profª Maria Elisa Goulart Chagas, de Caxias do Sul. 


Na sua fala Maria Elisa enfatizou a importância do resgate dos valores, da cooperação social, cultura da paz, práticas restaurativas, diálogo, entre outros. Ressaltou ainda que é possível conciliar as práticas restaurativas como uma nova filosofia na disciplina escolar e destacou, que atrás de todo conflito, de toda a  história, tem uma pessoa, um ser humano.         
    
Na ocasião, a Coordenadora da 3ª CRE, Greicy Weschenfelder mencionou em seu discurso, a importância do engajamento da comunidade escolar na educação. Disse que o sucesso do Programa só é alcançado com a colaboração de todos, e reforçou dizendo “acredito nesse Programa e vendo essa ideia! Vamos vestir a camiseta e fazer a diferença! Estamos buscando a pacificação nas escolas públicas estaduais e a CIPAVE é o caminho”. 

 No encontro, a equipe CIPAVE foi apresentada às escolas presentes para fortalecer, aprimorar e priorizar uma conexão entre escola-família- comunidade e parceiros, na busca de alternativas e soluções comuns.


      


Texto e fotos: Assessoria Pedagógica da 3ª CRE


Nenhum comentário:

Postar um comentário